X

Saudações taverneiros! Fiz uma mini entrevista com o Davi “Dbraz” Fagundes sobre o seu primeiro lendário no mês passado. Vamos conferir esse bate papo legal?

Apresente-se!

Olá, eu me chamo Davi Fagundes e sou mais conhecido como Dbraz. Há dois anos iniciei um canal no Youtube que atualmente é o mais assistido dentre os focados em Hearthstone, e também comecei a fazer lives na Twitch há cerca de três meses e estou obtendo excelentes resultados. Costumo trazer além de gameplay de decks Tier 1 ao Z (O famoso Tier Zoeira), vídeos de notícias, especiais com easter eggs do jogo, curiosidades, paródias, cartas criadas por mim e inscritos, lore do jogo e muito mais!

Youtube: Dbraz

Dbraz alcançou o rank lendário no meio de setembro com o deck  Evolve Xamã. Copie o código abaixo e abra a sua coleção para montar o deck.

AAECAaoIBJMJkbwClL0C688CDYEE5QfwB/qqAvuqAqC2Aoe8AtG8Ava9Avm/ApHBAuvCApvLAgA=

Como foi seu desempenho com o deck?

– Confesso que não tenho mais os números exatos do meu desempenho com o deck, porém posso dizer que consegui avançar na ranqueada a partir do rank 3 sem muitas dificuldades, perdendo ocasionalmente para decks counters como o Highlander Priest. Após chegar ao rank 1 e perder a primeira partida, eu emplaquei uma sequência de 6 vitórias até o rank Lenda e isso foi algo incrível para mim, demonstrando todo o poder do deck.

Há possíveis substituições de cartas? Quais e por quê?

– Como o deck é bem agressivo você joga basicamente para si mesmo, tentando dominar o campo com inúmeros lacaios e finalizar o oponente com um buff de ataque ou uma boa evolução, então existem poucas tech cards no deck, ou seja a grande maioria das cartas é muito importante para a composição e poder do mesmo. Porém como sei que são as cartas mais caras do deck por serem lendárias eu diria que você perde muita agressividade sem o Remendo mas pode substituir o pacote de piratas (com o Corsário da Vela Sangrenta) por Escudeira Argêntea + Defensor da Colina/Rastejante de Piche, assim como pode substituir a Aya Patanegra por outra Sede de Sangue. Quanto ao Cavaleiro da Morte Thrall, o Necrovidente eu aconselho também substituir por Defensor da Colina/Rastejante de Piche/Sede de Sangue.

O que você pode dizer sobre as matchs boas e ruins do deck?

– Com a minha experiência com o deck eu diria que as únicas matchs realmente ruins para o DK Evolve Shaman são contra decks control. Highlander Priest e DK Controlock podem ser muito problemáticos caso tenham as respostas para os turnos inicias e consigam anular a presença dos seus lacaios no campo. Você tem duas estratégias para vence-los: Na primeira tente ser o mais agressivo possível enchendo o campo de lacaios e com uma Sede de Sangue resolver o jogo; na segunda, caso a primeira não funcione você deve torcer para obter uma ótima evolução dos seus Gêmeos do Mal e com isso colocar muita pressão no campo e vencer o jogo. Em ambas é indicado agir como um deck totalmente agressivo fazendo trocas apenas em lacaios específicos do oponente como uma Clériga da Vila do Norte, algo que dê Dano Mágico, etc e focando em causar dano na face pois quanto mais tempo você dá para o oponente mais chances ele tem de comprar as limpezas de campo que precisa.

Tem alguma dica adicional sobre o deck? O que você achar relevante sugerir. 

– As dicas que mais ajudariam os jogadores que estão utilizando esse deck são as seguintes: O Totem Pinaprimeva é extremamente forte no turno 1 com a moeda seguido de Garras de Jade/Totem de Labaredas no turno 2, então tente manter essas cartas na mão.

Utilizar o Poder Heroico em turnos de transição como o 3 e 4 pode ser a chave para com a Criatura das Profundezas custando menos você possa ter um excelente turno 6 ou 7. Embora evoluir os Extratores de Saronita possa parecer interessante, eles estão no deck primeiramente para a defesa dos seus outros lacaios menores que certamente te ajudarão ao terem o ataque buffado, portanto o foco do Evoluir deve ser nos Gêmeos do Mal que poderão selar a vitória para você no turno 6. Utilizar o Cavaleiro da Morte Thrall, o Necrovidente no turno 5 para evoluir 3 lacaios ou mais de custo 1, 2 ou 3 pode pressionar o oponente de uma forma que ele não consiga reverter, então não pense duas vezes antes de utiliza-lo. Os Golens de Jade estão presentes no deck principalmente pois são mais lacaios evocados para você buffar/evoluir, então eles são um extra importante porém muitas vezes evocar um Totem trará mais valor para você e vice-versa. Por fim, tome cuidado ao utilizar o feitiço Evoluir em lacaios de custo 1 como os Totens do Poder Heroico, eles podem se tornar um Agoureiro. Muitas vezes é preferível que você evolua o seu campo antes de utilizar o Poder Heroico só para evitar que o fim esteja próximo!


Bom, eu gostaria de agradecer o convite feito pela Day e dizer que me sinto lisonjeado por ter a oportunidade de ser entrevistado pelo Cristal de Mana. Agradeço também a todos os #viajantes do meu canal por permitirem que eu alcance sonhos cada vez maiores e a toda a minha família pelo apoio de sempre!

Obrigado e eu vejo vocês a qualquer momento.. Valeu! =D


O prazer é todo nosso Dbraz! E muito obrigada pela participação!
E só lembrando vocês que o Dbraz estará presente na Blizzcon 2017 e ele fará uma grande cobertura de lá. Acompanhem o canal dele e a fanpage que eu postei o link no começo do artigo pra não perderem nada!

Um super beijo e até a próxima!

Compartilhe este post!
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Email this to someoneShare on Tumblr0Pin on Pinterest0