X

E com esta estamos a um passo da reta final senhoras e anões! Eis aqui uma análise dos cards que sairão na penúltima ala de Uma Noite em Karazhan. Como nas anteriores, cada card receberá uma nota de acordo com seu desempenho em cada um dos formatos, e eles aparecem na ordem em que serão recebidos. Vamos que hoje o bonde vem a mil!

Para acessar a análise da Ópera CLIQUE AQUI
Para acessar a análise do Prólogo e Salão CLIQUE AQUI

O VIVEIRO

ZoobôZoob

Padrão: É bem interessante o design desse card. Potencialmente aumentar 3 outros lacaios o torna uma possível ameaça, mas creio que o efeito seja muito situacional para considerar utilizá-lo. Você provavelmente obterá mais consistência de uma Clériga do Sol Partido. [RUIM]

Arena: É um 3/3 por (3). Corpo decente e o efeito de buff pode torná-lo bom, mas a inconsistência não o torna melhor que outros cards com efeitos bons na Arena, como Clarividente Telúrico ou Regente do Punho de Prata. [REGULAR]

Livre: Se ele consistentemente aumentasse outros três lacaios seria viável. Já que não, não é injusto. [PÉSSIMO]

Carcereira do ViveiroCarcereiradoViveiro

Padrão: Temos aqui um dos cards com mais potencial na edição toda. Se este lacaio entrar na mesa e copiar qualquer Fera que seja você já está gerando um valor imensuravelmente absurdo. Se ele copia um Corvo Encantado, você já possui mais atributos que um Ogro Punho de Pedra pela mesma quantidade de mana, o que não é nada ruim. Agora, jogá-lo no turno 6 após ter feito um Tigre-do-Espinhaço no turno 5 você provavelmente vai sentir que está roubando. Tudo dependerá da viabilidade do Beast Druid no formato. [POTENCIAL]

Arena: Infelizmente o custo mais alto por um efeito situacional o torna pior na Arena. Geralmente você não pode se dar ao luxo de segurar um card na mão para forçar uma sinergia absurda. Você quer lacaios eficientes que trabalhem bem sozinhos. [RUIM]

Livre: Há uma questão se o formato vai permitir loucuras como o Padrão, mas eu creio que a jogada da Carcereira em cima do Tigre não seja tão lenta a ponto de seu poder não ser visto por aqui. [POTENCIAL]

Templária NocturnaTemplriaNocturna

Padrão: Talvez este seja o Early-Game que o Dragon Paladin Precisava para ser viável. O valor que este card gera é absurdo por apenas segurar um dragão. Ele viabiliza um deck de dragões tanto agressivo quanto um mais voltado para controle. Talvez Consorte Dragônica volte a ver o campo de batalha. [POTENCIAL]

Arena: Mesma situação do card anterior. Querer confiar numa sinergia para um card funcionar bem não é o que queremos por aqui. Principalmente quando se trata de cards com custo alto demais para seus atributos. [RUIM]

Livre: Embora o deck de dragões pareça ser muito lento é possível que ele acabe por vingar. Este card é sim injusto se tiver seu efeito ativado. Lembrando que na semana que vem teremos o lançamento da Historiadora Eteródio, que pode muito auxiliar este deck a existir. [POTENCIAL]

Ovo RúnicoOvoRnico

Padrão: Sabe a vontade de falar bem do card somada à falta de confiança? Poder ter a oportunidade de comprar cards muito cedo no jogo é incrível, ao passo que depender de ativadores como Sargento Abusivo ou Defensor de Argus o torna inconsistente. Uma leve sinergia com Raptor Desenterrado pode torná-lo viável em um Deathrattle Rogue, mas para não ficar em cima do muro direi que não vale a pena (espero não me arrepender). [RUIM]

Arena: Sofre o mesmo problema que em decks construídos, exceto que por aqui o fato de termos cards aleatórios a inconsistência aumenta. Você nunca irá escolher este card nos primeiro momentos e se seu deck já tiver ativadores para ele raramente será a melhor escolha. [PÉSSIMO]

Livre: Não acho impossível ele entrar em algum deck agressivo de Paladino, mas a inconsistência também pesa forte por aqui. [RUIM]

Purificar

Purificar

Padrão: HA [PÉSSIMO]

Arena: HA [GRAÇAS A YOGG-SARON NÃO TERÁ]

Livre: HA! [PÉSSIMO]

 

 

 

 

 

Vigia AvianoVigiaAviano

Padrão: Está tentando copiar nosso velho amigo Arrota-Lodo, mas por ter a condição do segredo ele só entraria em decks de três classes diferentes. Fora que ter os atributos da gosma anexados ao lacaio ao invés do efeito de último suspiro significa que é mais fácil lidar com ele. Não entraria em qualquer dos decks existentes para as classes e duvido que algo surja para ele. [PÉSSIMO]

Arena:  Sinto que estou batendo na mesma tecla aqui mas vamos lá: querer forçar uma sinergia com um card de custo alto para os atributos não vale a pena. [PÉSSIMO]

Livre: Enquanto o Vigia tenta copiar o Arrota-Lodo, aqui eu posso simplesmente usá-lo. [PÉSSIMO]

Mágico do ViveiroMgicodoViveiro

Padrão: Sofre os mesmos problemas do Zoobô. Precisa ter um deck montado em cima de seu efeito para que funcione bem e ainda assim é muito situacional. [PÉSSIMO]

Arena: Já deu pra entender o que eu quis dizer? [PÉSSIMO]

Livre: Como não tem consistência é muito difícil ver jogo. [PÉSSIMO]

O Curador

Padrão: Finalmente chegamos ao ponto que eu queria. O Curador é possivelmente o card que mais quero ver entrar no jogo desta edição. O ponto é que O Curador não te compra cards, ele os BUSCA. O que quero dizer com isso é que os cards que compram, compram outros cards aleatórios, já ele pode abusar da montagem do deck para selecionar o que compra. Literalmente uma caixa de ferramentas onde posso comprar um Vidente Corrompido para lidar com a mesa do oponente, um Kodo em Disparada para matar um monstrinho chato e um Draco Lazúli só pelo valor. O melhor é que não se limita a isso, as possibilidades são muitas, só é preciso encontrar o baralho certo. [POTENCIAL]

Arena: Atributos fracos parOCuradora um lacaio tão caro. Mas este varia de acordo com qual escolha você está fazendo. No começo da Arena, você raramente irá querê-lo por falta de consistência, mas conforme você vai chegando nas últimas escolhas, ele pode ser muito bom se você já tiver algum número de Feras ou Dragões no deck. Card Advatage na Arena é uma das chaves para o sucesso, e se você conseguir ativá-lo ele se torna fortíssimo. [REGULAR]

Livre: Mesma coisa que no Padrão. Poder usar e abusar de seu efeito na hora de montar o deck parece ser muito bom. Posso vê-lo aqui (e no Padrão também pra ser honesto) até entrando no Freeze Mage, por ser uma maneira de consistentemente comprar a Alexstrasza e ainda providenciar um corpo para segurar alguns pontos de dano. [POTENCIAL] 

GataiadaGataiada

Padrão: Este card parece ser um meta-call muito forte, isto é, depende do ambiente atual para saber se é viável ou não (o melhor exemplo possível disso são cards como Devorador de Segredos). Caso o ambiente possua decks com feitiços o suficiente para possibilitar o uso deste card, fazer uma Pantera da Selva por (1) a menos parece promissor. Até (3) a menos se contarmos sua inevitável sinergia com a Caçadora Camuflada. [POTENCIAL]

Arena: Pessoalmente não sou muito fã de segredos em Arenas. Este ainda por cima requer que seu oponente lance um feitiço, o que o torna ainda pior, sendo que os feitiços geralmente compõe a grande minoria dos melhores decks. Ao menos ele sobrevive a um AoE, pois só é evocado depois que o o efeito do feitiço lançado tiver ocorrido. [RUIM]

Livre: Tudo vai depender de como a Caçadora Camuflada vai se comportar no metagame. Jogando sozinha não é muito promissora, mas entrando junto à Caçadora pode fazer um estrago, e não faltam feitiços no formato para ativá-lo. [POTENCIAL]

Perdição do ToloPerdiodoTolo

Padrão: É uma adição inevitável para os decks mais lentos de Guerreiro. Poder contar com mais uma ou duas maneiras de se limpar a mesa do oponente é algo que aumentará muito a consistência de tais decks. Guerreiros conseguem um montante tão absurdo de armadura que duvido que os pontos de vida necessários para limpar uma mesa em um turno sejam relevantes a ponto de precisar ser cauteloso na hora de adicionar esta arma a um deck. [EXCELENTE]

Arena: Sim! AoE hoje! AoE amanhã! AoE sempre!! A adição desta arma incrível à coleção dos guerreiros nesta raridade acaba de tornar a classe muito melhor na Arena! [EXCELENTE]

Livre: Acredito que, apesar da arma causar apenas 3 de dano em cada ataque, os Guerreiros poderiam abusar de um novo efeito AoE para fazer companhia à Brigas. [POTENCIAL]

Livro MurmuranteLivroMurmurante

Padrão: Parece uma boa adição a um Tempo Mage. Um feitiço de Mago, embora aleatório, geralmente será bom/útil e, anexado a um corpo 1/1 e com o auxílio do poder heroico, pode dar conta de um chato drop 2 de seu oponente. [POTENCIAL]

Arena: Como disse, feitiços de Mago serão geralmente bons, e completar a curva de um deck de Arena, principalmente na que geralmente é desfalcada, com um lacaio que te compra um card parece bem interessante. [EXCELENTE]

Livre: Não acredito que um Mago no modo Livre se beneficiaria tanto quanto um Padrão com um feitiço aleatório. O efeito não parece bom o suficiente para entrar em algum deck. [RUIM]


E então? Como estamos de novos cards até agora? Me desculpem a sinceridade absurda no novo card de Sacerdote mas eu simplesmente não teria o que dizer a respeito. Concordam? Discordam? Quem acha que Purificar chega à lenda na mão de um profissional? Não se esqueça de ficar de olho para a última ala que sai semana que vem!

Grato pela atenção! Kanego às ordens.

Compartilhe este post!
Share on Facebook20Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Email this to someoneShare on Tumblr0Pin on Pinterest0